Letícia, da Uniube - nov 30, 2018

16 maneiras de aumentar sua produtividade

O aluno de pós-graduação tem muitas responsabilidades. Combinar trabalho e estudos pode ser um desafio, pois não é fácil manter-se em dia com todas as obrigações. É necessário que ele faça o melhor uso possível do tempo disponível — por isso, uma das principais preocupações deve ser com sua produtividade.

Várias ações podem trazer ganhos importantes a seu dia a dia, que serão revertidos em melhor desempenho em todas as atividades.

Vamos, então, mostrar 16 maneiras de aumentar sua produtividade. São dicas de atitudes, métodos e até alguns aplicativos que vão ajudar seus dias a serem muito mais simples. Acompanhe!

Dicas para melhorar a produtividade

Como já dissemos, algumas ações podem significar ganhos fundamentais para quem procura multiplicar as horas do dia. Em casa, no serviço ou na Universidade, cada minuto pode fazer a diferença: seja na leitura de um texto ou na conclusão de um trabalho.

As dicas a seguir estão divididas entre aquelas mais relacionadas com um dos momentos — vida profissional ou estudos. No entanto, o que serve para um também cai muito bem no outro; basta apenas reconhecer a melhor situação para aplicá-las.

Produtividade no trabalho

  • Defina prioridades: o acúmulo de tarefas é um dos maiores inimigos da eficiência. Não se intimide por isso. Crie uma lista do que é mais importante e complete-a pouco a pouco.
  • Seja organizado: arquivos no computador, papéis no escritório ou ferramentas em uma oficina, não importa. Saber onde estão os materiais que você precisa para trabalhar é o melhor jeito de não perder tempo precioso procurando por eles.
  • Faça uma coisa de cada vez: muita gente se diz adepta do multitask, pretendendo realizar várias tarefas ao mesmo tempo. O mais simples, porém, é o oposto. Concentre-se em fazer bem uma atividade, para ser capaz de completar várias ao longo do dia.
  • Não leve trabalho para casa: essa hora extra vai prejudicar os esforços nos seus estudos, além de servir para tirar seu foco do que é importante — ser eficiente, para completar seus afazeres no horário correto.

Produtividade nos estudos

  • Crie uma rotina: assim como outras tarefas, o estudo flui melhor quando você encontra um ritmo adequado. Dedicar um tempo específico a ele ajuda a desenvolver essa capacidade.
  • Tenha planos/grupos de estudo: fazer um planejamento de estudos, seja ele semanal ou para algum outro período definido, ajuda a determinar o seu ritmo e agilizar seu aprendizado. Da mesma forma, pode ser interessante encontrar pessoas com o mesmo perfil, para trocar ideias e tirar dúvidas sobre os conteúdos apresentados nas aulas.
  • Estabeleça metas: objetivos são importantes para medir o progresso em uma atividade, além de também servir como incentivo. As metas, a curto e médio prazo, são componentes fundamentais de um bom planejamento.
  • Limite o uso das redes sociais: não temos como escapar delas, mas as redes sociais são as maiores vilãs da produtividade. Durante os estudos, tente desligá-las, ou, ao menos, desativar as notificações desses aplicativos.

Métodos específicos para produtividade

As dicas acima podem resolver vários dos problemas que um estudante de pós-graduação possa ter para administrar seu tempo. Em alguns casos, porém, uma estrutura já estabelecida é muito bem-vinda.

Para essas situações, é interessante testar um dos muitos métodos de produtividade desenvolvidos por especialistas no assunto. Separamos, a seguir, quatro deles para uma breve apresentação.

  • Método Pomodoro: talvez o mais simples, a preocupação aqui é em manter a concentração ao longo do dia. Para isso, a sugestão é dividir sua atividade em blocos. A cada 25 minutos de foco em uma tarefa, você ganha uma pausa de 5 minutos. Após uma hora e meia, essa pausa pode ser prolongada, entre 15 a 30 minutos.
  • Princípio de Pareto: essa técnica prega que deve-se priorizar as tarefas que tenham maior impacto, utilizando o menor esforço. Uma conta simples ajuda nesta definição. Dê uma nota de 1 a 10 para o esforço exigido por uma tarefa e faça o mesmo para o impacto esperado com a conclusão desta. Divida o primeiro valor pelo segundo. Quanto menor o número obtido, maior a importância daquela atividade nesta escala.
  • GTD (“Getting Things Done”): a técnica GTD vai direto ao ponto. Crie uma lista de tudo o que deve ser feito, em ordem de prioridade e com definição de horários. Você terá assim um auxílio visual do seu desafio, mas também acompanha diretamente quando tudo for sendo cumprido.
  • Don’t Break the Chain: o segredo aqui é definir objetivos e marcar em um calendário todos os dias que você for capaz de atingi-los. As marcações vão criando uma corrente e a inspiração é seguir em frente sem quebrar essa sequência.

Produtividade - Método pomodoro

Aplicativos que vão ajudar você nessa tarefa

A ajuda pode vir também de meios tecnológicos. Existe uma infinidade de aplicativos que facilitam a vida do estudante e trabalhador, trazendo mais eficiência ao dia a dia. Novamente, temos alguns exemplos em mãos para você.

  • Trello: um aplicativo de organização, que pode ser acessado por celular ou computador. Nele, você monta quadros temáticos, com cartões para cada etapa. Fácil de identificar tudo que você precisa.
  • Evernote: outro organizador, com ainda mais recursos. Entre as principais possibilidades extras estão adicionar áudios, digitalizar documentos e salvar páginas da internet.
  • ExamTime: mais voltado para os estudos, permite criar mapas mentais — um jeito simples de conectar as ideias sobre um assunto. Também é possível criar cartões de resposta, notas ou quiz sobre qualquer tema.
  • Offtime: se seu problema é a distração com as redes sociais, temos uma solução. Com este aplicativo, você bloqueia os aplicativos ou contatos que mais tiram sua concentração, deixando você focado por quanto tempo quiser.

Seu futuro pode ser produtivo

Melhorar a produtividade é essencial para o quem é estudante e trabalhador. Somente dessa forma ele será capaz de ter sucesso nas duas atividades, que exigem bastante dia após dia.

Apesar disso, a própria pós-graduação pode colaborar com a produtividade de um profissional. O conhecimento adquirido com uma formação continuada pode significar um ganho em várias atividades desenvolvidas por ele, garantindo mais eficiência quando essas tarefas aparecerem novamente em sua rotina.

Mais um ponto a favor de ter uma pós, não é mesmo? Acesse o site da Uniube e encontre o curso perfeito para você!

Escrito por Letícia, da Uniube