Letícia, da Uniube - fev 12, 2019

Como definir sua pretensão salarial?

Muitas pessoas desejam traçar novos planos para a carreira. A busca por recolocação profissional é crescente entre os brasileiros. Quem está procurando o primeiro emprego ou uma nova oportunidade de trabalho deve definir sua pretensão salarial, antes de mais nada.

 

Uma pesquisa divulgada pelo portal Love Mondays apontou que 70% dos entrevistados empregados estão em busca de um novo trabalho. Entre esse público, 24,6% revelaram que a atual remuneração está abaixo do esperado.

Com tantas pessoas procurando uma nova oportunidade profissional, é preciso se preparar para encontrar a melhor vaga de emprego. Um dos primeiros passos é definir a remuneração que você deseja ter .

Acompanhe o post e descubra como definir sua pretensão salarial!

O que é pretensão salarial?

A pretensão salarial normalmente é solicitada pelos recrutadores, nas fases iniciais de um processo seletivo. Em algumas empresas, essa informação precede a entrevista de emprego.

Muitas pessoas veem este assunto como tabu. Esse fato é reflexo da nossa cultura, considerada por especialistas como pouco pragmática, quando o assunto é mercado de trabalho.

Em geral, os brasileiros têm dificuldade em definir quanto querem receber, porque acreditam que estão atribuindo um "preço" a uma pessoa.

Contudo, não há motivos para ter receio de divulgar a sua pretensão salarial, se você for questionado e estiver bem preparado para responder a essa pergunta.

Porque ela é solicitada?

Existem duas situações comuns para solicitação da pretensão salarial. É importante diferenciá-las.

Substituição profissional por perfil diferente

Em certas ocasiões, o recrutador precisa substituir algum profissional por outro com um perfil diferente do antecessor. Nesses casos, é comum deixar o salário da vaga aberto, para não afastar candidatos por causa do valor.

Assim, na primeira triagem de currículos, os responsáveis pelo recrutamento costumam definir uma faixa salarial predeterminada.

Após as primeiras entrevistas, o departamento de RH seleciona os candidatos aprovados para a última etapa e analisa suas pretensões salariais, cruzando as informações com as competências técnicas e a aderência à cultura da empresa.

Abertura de um novo cargo

Nem todas as organizações dispõem de uma empresa de recrutamento especializada ou de um setor de RH bem estruturado.

Por isso, em alguns casos, as companhias utilizam o pedido de pretensão salarial para entender a faixa de remuneração de uma nova vaga. Isso costuma acontecer quando o recrutador precisa contratar um profissional com um perfil que não existe no atual quadro de funcionários.

Por meio das pretensões salariais, é possível calcular uma média e definir o valor final da remuneração.

Como calcular sua pretensão salarial?

A pretensão salarial é um dos filtros aplicados na triagem de currículos, em vagas que solicitam essa informação. Por isso, é imprescindível saber calculá-la corretamente. Algumas dicas, que mostraremos a seguir, vão ajudar você a tomar essa decisão.

1. Pesquise a média salarial do seu cargo

Antes de estabelecer um valor fora da realidade ou superestimar sua experiência, pesquise quanto é a média salarial para a sua área e a sua função.

Entender qual é faixa de remuneração, no seu cargo e na sua região, é fundamental para chegar a um valor realista, sem risco de ser eliminado, por não estar de acordo com os parâmetros esperados.

Alguns portais, como o Love Mondays, ajudam a encontrar referências salariais de diversas empresas e a buscar avaliações de quem já está empregado, para avaliar a oportunidade sem risco de errar.

2.  Entenda seu status no mercado

Você está desempregado ou quer mudar de trabalho? Cada situação implica em atitudes diferentes.

Se você não possui emprego, um bom início é reduzir seu último salário em 10%, para chegar à sua pretensão atual. Isso mostra mais flexibilidade e interesse na recolocação.

Agora, se sua busca é por uma troca de trabalho, você pode pedir uma remuneração igual ou superior à que você recebe. Esta situação é mais favorável para definir um salário melhor.

Pretensão salarial - calcular

3. Calcule seu custo de vida

Mesmo desempregado, não adianta jogar a sua pretensão salarial abaixo da média, se ela não cobrir seus custos de vida.

É importante saber exatamente quanto você precisa ganhar de dinheiro para se manter até o final do mês. Considere novos custos, como deslocamento e refeição, para estabelecer sua média de gastos fixos.

4. Pondere os ganhos indiretos

Uma prática recomendada por especialistas de RH é deixar claro que a pretensão salarial é negociável, de acordo com o pacote de benefícios da vaga.

Algumas instituições incluem diversos benefícios, como incentivo aos estudos e à atividade física, além dos auxílios combustível e creche. Esses incentivos adicionais podem reduzir os seus custos fixos, flexibilizando o valor final do salário esperado.

Além disso, é preciso levar em consideração quais são as vantagens que você ganhará com a oportunidade de emprego. A nova vaga oferece mais possibilidade de crescimento? O ambiente de trabalho permite ter melhor qualidade de vida? Esses são benefícios indiretos, que devem ser levados em conta em sua decisão.

O que não fazer quando perguntarem sua pretensão salarial

  • Informe-a apenas quando for perguntado: se o anúncio da vaga não solicitou essa informação, não cometa a gafe de enviá-la. Com certeza, o recrutador já tem um valor bem definido para a posição.

  • Não abra o currículo com a pretensão salarial: isso pode soar como deselegante. Especialistas recomendam que o dado seja o último da página para que o recrutador tenha acesso primeiro às suas experiências e qualificações.

  • Não se desespere na procura: mesmo se você não tem experiência ou esteja desempregado, não aceite a primeira proposta que aparecer, se estiver pensando em continuar a busca. Pular de vaga em vaga não é um comportamento bem visto pelos especialistas de RH.

  • Não se menospreze ou supervalorize: não exagere na sua pretensão salarial nem a diminua  muito, na tentativa de conseguir o emprego dos sonhos. Seja justo com a sua experiência e considere a descrição da vaga para avaliar o grau de responsabilidade atribuído. Reconheça o seu valor!

Gostou das dicas? Acesse o nosso Facebook e siga o nosso Instagram, para ficar por dentro das novidades do mercado de trabalho e da educação a distância.

Escrito por Letícia, da Uniube